MENAGE COM MINHA VIZINHA


Oi pessoal, meu nome é Paula (nome fictício) e esse é o primeiro conto que eu escrevo.Essa história aconteceu quando eu tinha 30 anos, eu tinha um cabelo preto com as pontas loiras, sempre tive peitos e bunda grande e uma cintura definida. Eu tinha acabado de terminar com meu marido e como sempre trabalhei e tenho certa estabilidade financeira, aluguei um apartamento na zona sul de São Paulo, perto do shopping Santa Cruz.Já tinha passado algumas semanas naquele apartamento e várias vezes eu ouvia minha vizinha de cima gemendo e ficava deprimida sentindo falta do meu ex.CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEUma noite, eu estava bebendo um vinho assistindo TV quando eu comecei a ouvir minha vizinha de cima gemer, eram umas 20:00. Eu sempre fui bem safada e naquela noite eu já estava um pouco bêbada, então eu coloquei uma lingerie preta bem sexy e um roupão e subi pela escada (pra não correr risco de ninguém me encontrar no elevador vestida daquele jeito), chegando lá, pensei bastante e acabei tocando a campainha.Demorou um pouco, mas abriu a porta um homem, parecia ter uns 35 anos, eram bem forte, branco, cabelo preto e uma barba por fazer. Ele não era tão bonito, mas estava suado e sem camisa e eu estava com tesão.CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEEu disse:– Então, eu venho ouvindo barulhos vindos daqui e estava pensando em ligar pra portaria, mas resolvi vir aqui pessoalmente.Ele ficou encarando meus peitos e disse:– Ah, desculpa. Vamos tentar maneirar no barulho.CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE– Não se preocupa, o barulho é o de menos, é que eu percebi que vocês estão se divertindo e eu vim perguntar se eu posso fazer parte da brincadeira…Ela parecia não saber o que fazer e pediu pra esperar um pouco e fechou a porta.A minha vizinha abriu a porta depois um ou dois minutos, me viu naquela lingerie (eu estava bem gostosa) e me convidou pra entrar. Minha vizinha era bem novinha, parecia ter uns 20 anos, cabelo curto, peitos pequenos e uma bundinha bem redondinha. Ela estava de roupão e me levou até o quarto dela, onde lá estava o homem que me atendeu deitado na cama com o pau pra fora.Eu perguntei se eles namoravam e até que ponto eu poria ir na intimidade. Ela me respondeu que eles eram amigos que se conheceram numa festa e se encontram só pra transar. Eu joguei meu roupão no chão e comecei a bater uma punheta pro homem, e comecei a falar de mim. Falei que tinha me divorciado há pouco tempo, falei que gostou muito de sexo, falei que era bi.A minha vizinha foi tirando minha lingerie e eu comecei a chupar aquele pau, que era de tamanho médio, mas era grosso estava bem depilado. Ficamos trocando carícias e chupadas até a minha vizinha me colocar deitada na cama e começar a me chupar enquanto o parceiro dela ficava comendo ela por traz. Depois ela deitou em cima de mim, começou a me beijar enquanto o cara ficava revezando entre comer a minha buceta e a dela, que estavam encostadas, então mesmo ele comendo ela, a buceta dela roçava na minha e vice-versa. Transamos, demos um tempo, tomamos uma água, transamos de novo e eu só fui voltar pra casa pela meia noite.CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEAntes de eu ir embora, eles me agradeceram por apimentar a relação deles, me parabenizam pela coragem e falaram que eu era muito gostosa. Voltei pra casa sem acreditar que meu plano tinha dado certo.Eu cheguei a transar com os dois mais algumas vezes e cheguei a chamar minha vizinha pra fuder umas duas vezes, mas como eu só fiquei um ano naquele apartamento, a gente acabou não mantendo contato.Hoje, eu tenho 43 anos e quero começar a escrever sobre minhas experiências sexuais ao longo da vida. Desde que descobri os prazeres da vida, aos 15 anos, sempre fui muito safada e eu coleciono histórias sobre fetiche, orgias, rolas de 30 cm haha. Esse é o meu primeiro conto e espero que tenham gostado.Mega

MENAGE COM MINHA VIZINHA

0% 0 Mais Votados
  • Visto: 676

    Added: 4 semanas atrás

    Categories:

    Adult Wordpress Themes